Fique por dentro de todas as novidades. Inscreva-se agora!
x
Preencha os campos abaixo e cadastre-se!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba todos
os materiais do Falando de Proteção em sua caixa de e-mail


home > Dia a Dia > Acidentes com as mãos: como reduzir?

Acidentes com as mãos: como reduzir?

Confira a lista que o Falando de Proteção preparou para você começar o ano com as mãos ainda mais protegidas.

Depois de aproveitar o ano novo, já é hora de voltar ao trabalho em 2017. E como o Falando de Proteção não descuida nem um minuto quando o assunto é segurança, vamos começar o ano com algumas dicas que vão ajudar a reduzir os acidentes relacionados com as mãos.

CONFIRA AS DICAS

  1. Envolva todos os colaboradores

Na hora de tomar decisões, não deixe os colaboradores da empresa fora. Quando a participação no processo de segurança é feito em conjunto com os trabalhadores, os resultados são mais efetivos.

Além disso, esse trabalho em equipe vai aumentar a produtividade de cada um deles.

  1. Treinamento pessoal de segurança

Companhias que aplicam treinamentos de segurança e primeiros socorros têm menos acidentes e doenças do que aquelas que não treinam os funcionários.

Há também uma redução de 42% nos acidentes entre colaboradores de 16 até 24 anos que participam dos treinamentos.

  1. Tenha certeza que a luva é do tamanho correto

70% dos acidentes que envolvem mãos acontecem quando os colaboradores não estão utilizando luvas de proteção.

Sempre que possível, escolha luvas que possua diversos tamanhos e sejam adequadas para os trabalhos.

  1. Luvas com resistência à cortes e abrasão

63% dos acidentes com as mãos no ambiente de trabalho são cortes.

Por isso, sempre que existir o risco de corte, utilize uma luva que garanta a proteção adequada, como as luvas de Kevlar® que diminui os riscos de acidentes com cortes.

  1. Hierarquia do Controle de Segurança

Elimine os riscos: evite um risco mesmo antes dele ocorrer.
Substituição: sempre que necessário, atualize seus equipamentos de proteção.
Administração: Revisar as políticas de segurança e aplicar novos treinamentos periodicamente.
Equipamento de Proteção Individual: a sua última defesa contra os riscos do dia a dia. Sempre utilize o seu.

Com essas dicas você vai estar muito mais seguro na hora de lidar com os riscos de acidentes que envolvem as mãos.

Não perca as novidades do Falando de Proteção. Assine nossa newsletter.

2.939
0
Inscreva-se:
Anterior
Próximo