Fique por dentro de todas as novidades. Inscreva-se agora!
x
Preencha os campos abaixo e cadastre-se!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba todos
os materiais do Falando de Proteção em sua caixa de e-mail


home > Especial > Aos estudantes: dez erros que estagiários não podem cometer

Aos estudantes: dez erros que estagiários não podem cometer

Acabe com a insegurança! Descubra como não cometer gafes no seu estágio e como causar uma boa impressão em sua primeira experiência profissional.

img_interna_TP

Fazer estágio é obrigatório para a formação em Técnico de Segurança, mas também é um momento muito especial. Se você se der bem na sua primeira experiência profissional, as chances de ter uma carreira bem sucedida podem aumentar!

Conseguir ser aprovado em uma seleção de um programa de estágio já é um grande desafio (Veja aqui as dicas para conseguir um estágio). Mas o mais difícil ainda está por vir: enfrentar o dia a dia de uma empresa sem cometer gafes e ganhar destaque para uma futura efetivação. Pensando nisso, o Falando de Proteção by DuPont listou dez erros que você não deve cometer nessa primeira etapa de sua promissora carreira:

1-      Escolher um estágio pela remuneração:

Claro que ser estudante no Brasil não é fácil. Muitos têm que trabalhar para pagar os cursos e sobreviver. Mas o salário de um estágio não pode ser o principal motivo para você aceitá-lo. É este momento que você tem para errar, fazer perguntas e aprender. Se seu estágio oferecer uma boa remuneração, mas não lhe trouxer aprendizado algum com isso, provavelmente, irá lhe afetar no futuro. Então coloque na balança antes e veja o que mais vale a pena.

2-      Ser arrogante:

Nem pense em começar um estágio em uma empresa achando que sabe de tudo! Você está lá para aprender, ou seja, ouvir bem mais do que falar. Só com o tempo e experiência é que se ganha maturidade para contestar paradigmas e políticas da empresa. Estagiários que se enturmam bem e que se encaixam rapidamente nas regras do local de trabalho têm bem mais chances de serem efetivados.

3-      Relaxar:

Passar pelo processo de seleção de um estágio é difícil, mas é apenas a primeira etapa para se ter uma carreira bem sucedida, então nada de acomodar-se. Quando ingressar num programa de estágio seja o mais ativo possível. Mostre interesse, pergunte, esteja disposto e disponível. Ficar passivo pode ser visto como má vontade. Seus chefes não tem como adivinhar suas dúvidas e necessidades. Então, se comunique, converse e esteja sempre atento.

4-       Ter um vocabulário pobre:

Gírias, palavrões e linguajar vulgar devem ser evitados no local de trabalho. Jovens estão acostumados a falar dessa maneira no seu dia a dia e é normal. Mas quando estiver com colegas de trabalho é preciso prestar atenção. Você pode ser visto como imaturo pelo jeito que fala. Técnicos e Engenheiros de Segurança precisam se comunicar bem, por isso, leia muito! E amplie seu vocabulário.

5-      Não saber trabalhar em equipe:

É muito importante saber trabalhar em grupo: conviver bem com os colegas, mostrar interesse pelo trabalho dos outros, valorizar quando você ou outra pessoa realizar um trabalho bem feito, agregar com novas ideias e estar sempre atualizado com o mercado. Estas são maneiras de manter uma equipe unida e de se fazer presente.

6-      Deixar o trabalho acumular:

“Não deixe para depois o que pode ser feito agora”, essa frase tem total razão quando se trata de um estágio. Nunca deixe suas tarefas acumularem. Faça o que tem que ser feito com qualidade e o mais rápido que puder. Agilidade e eficiência são fatores cruciais na hora de decidir a quem efetivar.

7-      Ser inflexível:

A flexibilidade é algo muito importante dentro de uma empresa. Mudanças tendem a ocorrer e você tem que estar disposto a se adequar a novas regras. Um bom jeito de se manter atento no que está acontecendo é conversar com o coordenador do seu programa de estágio e tirar todas as dúvidas que possam surgir caso a prioridade de seu trabalho tenha mudado. Mostre-se interessado nas novidades e adapte-se.

8-      Não fazer perguntas por sentir vergonha:

É justamente no momento em que se faz um estágio que devemos tirar todas nossas dúvidas sobre as atividades da profissão. Então, não tenha vergonha de perguntar! Ser curioso e interessado acaba por trazer uma boa impressão sobre você. Só tome cuidado para não virar um chato e/ou fazer perguntas em horas inapropriadas. Se uma dúvida surgir em um momento ruim, anote-a e pergunte depois.

9-      Ficar enrolando em redes sociais:

Pega super mal com os colegas a sua volta e você ainda perde um tempo precioso de trabalho. Nem sempre ser o primeiro a chegar e o último a sair é sinônimo de dedicação, às vezes pode ser sinônimo de enrolação. Fique atento a isso! Ao final do dia, se pergunte se você cumpriu as tarefas dadas. Se a resposta for não, talvez você deva reavaliar o tempo que perde navegando na internet.

10-   Não assumir responsabilidades:

Uma das maiores reclamações sobre os estagiários é a má postura profissional. Por ainda serem estudantes, muitos não assumem responsabilidade por nada e acham que podem culpar os outros por tudo. Fazer o serviço mal feito, dar prioridade a assuntos de fora do trabalho, chegar atrasado ou faltar, são coisas inadmissíveis. Além de ser um momento de grande aprendizado, o estágio também é a hora de mostrar que tipo de profissional você vai ser.

 

Agora… Mãos à obra! Seguindo essas dez dicas com toda sua força de vontade e capacidade, você vai longe!

Boa sorte e bom trabalho 🙂

 

757
0
Inscreva-se:
Anterior
Próximo