Fique por dentro de todas as novidades. Inscreva-se agora!
x
Preencha os campos abaixo e cadastre-se!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba todos
os materiais do Falando de Proteção em sua caixa de e-mail


home > Dia a Dia > Feito de tecnologia e Kevlar®: como funciona o colete à prova de balas?

Feito de tecnologia e Kevlar®: como funciona o colete à prova de balas?

Uma invenção medieval modernizada. Hoje o colete à prova de balas, feito de materiais de ponta como Kevlar®, é leve, flexível. E único.

A ideia era simples e, por isso, genial. Buscando se proteger contra espadas e flechas em suas lutas, os guerreiros medievais desenvolveram o colete de aço.

No entanto, os anos passaram e as batalhas se tornaram outras. Hoje as armas não são mais flechas e espadas, mas sim balas de revólver, de fuzil e de pistola. E aí, o aço deixou de ser um material potente o suficiente para oferecer a proteção necessária.

Dentro desse contexto, o colete de proteção se modernizou. O nome mudou para colete a prova de balas, e o item passou a ser feito com material de ponta como Kevlar®. Assim, se tornou mais leve, flexível e praticamente imbatível.

Quer saber como essa peça é feita e como ela garante a proteção desde os tempos antigos até hoje? Continue a leitura!

Como funciona um colete à prova de balas?

De mecânica simples, o colete a prova de balas cobre a parte mais importante do corpo: o tórax e órgãos vitais contidos nele. Antes feito de aço, o colete era resistente a ponto de deformar a arma do oponente antes que ela atingisse o corpo do rival.

Hoje, foi preciso ir além na proteção. Desse modo, novos materiais surgiram e existe um padrão internacional que classifica o colete dentro dos vários níveis de proteção.

Primeiros coletes a prova de balas sendo testados – Créditos da imagem: National Photo Company/Domínio Público

Para um colete ser considerado aprovado para uso, ele pode se deformar e envergar com o impacto da bala em até 4,4cm. Mais do que isso, a vida do usuário entra em risco e o colete é considerado impróprio para uso.

Em um colete de qualidade, quando a bala o atinge, o impacto é amortecido pelo material e pela amplitude da peça. Desse modo, a bala não penetra o colete. E a pessoa, sem risco de morte, sente o impacto do tiro como se fosse o de um soco.

Especial: Kevlar® 50 anos

Do que é composto o colete a prova de balas?

Para entender melhor a composição dessa peça que pode até salvar vidas, vamos olhar para ela de fora para dentro.

Coisa de super herói? Nada disso, é tecnologia!

Por fora, o colete é formado por uma capa de náilon que transforma em um pacote anatômico as várias camadas de material a prova de bala. Além disso, essa capa impede a entrada de suor. Assim, essa capa externa traz o material de proteção bem junto ao corpo, pronto para agir. Para complementar, tiras de velcro servem para ajustar o vestir e tornam a peça adaptável a vários tamanhos diferentes.

Por dentro, é onde a proteção realmente acontece. Entre suas camadas, o colete tem um núcleo de Kevlar® em seu miolo. O tecido sintético é de uma fibra leve, sendo mais resistente que o aço.

Aliado às demais camadas e à capa de naylon, é este material que garante que bala nenhuma atravesse e toque o corpo humano.

Mas que material é esse, tão poderoso?

Referência em resistência. Por que Kevlar® é o material mais confiável do mercado?

O poder de Kevlar®

De amplo uso em coletes a prova de bala e armas perfurantes, Kevlar® tem a tecnologia capaz de salvar vidas. Com trama leve e absurdamente resistente, o tecido é usado no vestuário, acessórios e equipamentos das Forças Armadas, bombeiros, autoridades policiais e empresas no ramo de segurança.

Fibra de Kevlar®

O material foi descoberto em 1965 por Stephanie Kwolek, cientista da DuPont, e lançado ao público em 1982. De alta resistência, Kevlar® é um material de composição e propriedades únicas, que o torna superior as demais fibras sintéticas.

Conhecida por sua resistência e leveza, a fibra de para-aramida que compõe o Kevlar é muito tolerante ao calor. Além disso, sua trama chega a ser até sete vezes mais resistente que o aço. Desse modo, a fibra de DuPont Kevlar®, entrega excelente performance, ótima resistência e extrema flexibilidade.

Ou seja, um material desse em uma peça como o colete a prova de balas é sinônimo de segurança e qualidade. 

Os esportes que usam Kevlar®.

Concluindo…

Vindo de um contexto onde as ameaças eram flechas e espadas, o colete de proteção se modernizou com o passar dos anos.

Hoje a peça conta com tecnologia de ponta ao incluir Kevlar® em sua composição. O tecido garante proteção contra disparos de bala e pode ser até sete vezes mais eficaz do que a proteção de aço, por exemplo. Além disso, a tecnologia Kevlar® garante que a peça seja não só eficaz na proteção, mas também leve e confortável, desse modo contribuindo ainda mais na agilidade e na segurança do usuário.

E pensar que tudo começou com uma ideia simples, hein?

Gostou desse conteúdo? Continue com a gente para mais artigos como esse!

80
0
Inscreva-se:
Anterior
Próximo