Fique por dentro de todas as novidades. Inscreva-se agora!
x
Preencha os campos abaixo e cadastre-se!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba todos
os materiais do Falando de Proteção em sua caixa de e-mail


home > Especial > O retrato dos Engenheiros de Segurança e Meio Ambiente é descoberto por pesquisa

O retrato dos Engenheiros de Segurança e Meio Ambiente é descoberto por pesquisa

Quanto ganham, há quanto tempo exercem a profissão e os maiores desafios enfrentados no cargo são descobertos por pesquisa online. Confira!

img_interna_TP

Engenheiros de Segurança e Meio Ambiente do mundo inteiro responderam a uma pesquisa com mais de trinta perguntas, de forma online, feita pelo site EHSToday que trouxe como resultado detalhes do retrato da profissão.

Descobriu-se que 35% dos que responderam disseram que estão na carreira há mais de vinte anos e outros 30% estão há mais de 10 anos. E a maioria, 80% dos entrevistados, afirmaram  que têm certificados profissionais de segurança, enquanto 22% disseram que são profissionais ambientais qualificados e 21% que têm mestrado. Prova de que a maioria dos que ocupam esses cargos com tamanha responsabilidade já têm muita bagagem!

A pesquisa também perguntou aos Engenheiros onde eles mais gostariam de ver futuras melhorias em seus programas de segurança. As respostas trouxeram à tona os desafios comuns para muitos; veja se algum (ou alguns) deles lhe soa familiar:

  • “Mais participação dos trabalhadores nos programas de segurança.”
  • “Mais tempo para treinar os funcionários adequadamente.”
  • “A presença de segurança mais forte por parte dos gestores, diretores, vice-presidentes, etc”
  • “O engajamento de funcionários em todos os níveis.”
  • “Mais treinamento.”
  • “Envolver todos na fábrica.”
  • “Melhorar o nosso processo de indicador de antecedentes.”
  • “Os gestores se tornando campeões de segurança!”
  • “Mais financiamento e pessoal.”
  • “A segurança dos funcionários ser prioridade sobre a produção.”
  • “O aumento do envolvimento do supervisor e responsabilidade para melhorar a segurança e violações.”
  • “Relato de quase acidentes“.
  • “Desenvolver um programa formal de ergonomia.”
  • “Mais envolvimento dos funcionários.”
  • “Ainda mais engajamento dos funcionários.”
  • “A cultura de segurança – Que é tratar a segurança  menos uma novidade e mais como uma base essencial para funções de trabalho”

As palavras “envolvimento” e “engajamento” aparecem várias vezes nas respostas escritas pelos entrevistados. Se você também se identifica com este desafio e busca por ideias criativas para cativar a todos em seu programa de segurança, veja que boa ideia!

Apesar de tantos desafios enfrentados por esses profissionais, parece que eles são bem compensados para encarar esse duelo diário a favor da segurança. Ainda segundo a pesquisa, 19 % dos entrevistados disseram que ganham mais de 105 mil dólares por ano – um aumento de 16% dos entrevistados na mesma pesquisa feita em 2013. E 65% dos profissionais de Segurança e Meio Ambiente indicaram ganhar 65 mil dólares ou mais.

Essa mesma pesquisa também ouviu os Supervisores de Segurança e descobriu quais as reclamações mais comuns que eles escutam no dia a dia e o blog Falando de Proteção by DuPont já fez um post sobre as curiosas respostas. Veja aqui!

772
0
Inscreva-se:
Anterior
Próximo