Fique por dentro de todas as novidades. Inscreva-se agora!
x
Preencha os campos abaixo e cadastre-se!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba todos
os materiais do Falando de Proteção em sua caixa de e-mail


home > Especial > Os impactos da Indústria 4.0

Os impactos da Indústria 4.0

Você já está familiarizado com o conceito de Indústria 4.0, mas e sobre os impactos, você já parou para pensar? Confira o segundo post da série e saiba mais sobre o futuro, automação e novos negócios

Há algumas semanas, nós falamos aqui no blog um pouquinho sobre Indústria 4.0. Caso você tenha perdido, pode conferir o primeiro post dessa dobradinha clicando aqui. No primeiro post, falamos sobre o conceito que explica as mudanças que estamos presenciando nas indústrias e toda a popularização da automação de certos processos. Hoje, vamos entender um pouquinho sobre os impactos da chamada Indústria 4.0. 

. . .

O primeiro grande impacto da Indústria 4.0 é, claro, a mudança drástica de cultura que afetará todo o mercado. Isso porque, segundo o Engenheiro Cristiano Bertulucci Silveira, a Indústria 4.0 acarretará na criação de novos modelos de negócios e, em um mercado cada vez mais exigente, as empresas procurarão integrar ao produto necessidades e preferências de cada cliente. “A customização prévia do produto por parte dos consumidores tende a ser uma variável a mais no processo de manufatura, mas as fábricas inteligentes serão capazes de levar a personalização de cada cliente em consideração, se adaptando às preferências”, explica em seu texto, publicado no site Citisystems.

Equipe reunida fazendo planejamento

Para melhor visualização do cenário, separamos os impactos inerentes a Indústria 4.0 em dois tipos: os positivos e os negativos. São eles:

Impactos Positivos

  • Redução nos custos de produção, afinal, ocorrerá a modernização de processos industriais
  • O planejamento fará parte de toda metodologia das empresas, bem como organogramas estruturados
  • Desenvolvimento de uma cultura organizacional de valorização da estratégia
  • Produção flexível, já que todo o processo será feito por máquinas inteligentes
  • Agilidade para criar novos produtos e colocá-los na rua
  • Aumento das pesquisas e desenvolvimento nos campos de segurança em Tecnologia da Informação

Impactos Negativos

  • A vulnerabilidade a ciberataques e outras questões ligadas a inteligência artificial, afinal, a empresa está 100% conectada

Ou seja, os impactos positivos são muito maiores que o risco do online, afinal, com essa nova demanda, outras tecnologias serão criadas para que o ambiente 4.0 seja também seguro. “A tecnologia deverá se desenvolver continuamente para tornar viável a adaptação de empresas a este novo padrão de indústria que está surgindo”, completa Bertulucci.

E os humanos?

Nem só de máquinas e internet das coisas é construída uma Indústria 4.0. Os profissionais também precisarão se adaptar, afinal, com fábricas cada vez mais automatizadas, novas demandas surgirão, enquanto outras deixarão de existir. É por isso que o planejamento, a estratégia e as funções que precisam de habilidades como pensamento e empatia serão cada vez mais valorizadas nesse cenário.

 

37
0
Inscreva-se:
Anterior
Próximo