Fique por dentro de todas as novidades. Inscreva-se agora!
x
Preencha os campos abaixo e cadastre-se!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba todos
os materiais do Falando de Proteção em sua caixa de e-mail


home > Dicas > Uso correto do EPI | Proteção auricular e contra quedas

Uso correto do EPI | Proteção auricular e contra quedas

Proteção auricular e contra quedas estão em pauta no segundo post do especial sobre o uso correto do EPI.

Dando sequência à nossa série de posts sobre o uso correto do EPI, preparamos agora algumas dicas sobre proteção auricular e contra quedas.

Proteção Auricular

O treinamento é fundamental para que se realize o uso correto do EPI auditivo e também para evitar que se tenha a intenção de burlar a fiscalização. E para que isso não aconteça, a medida mais importante a ser tomada é a conscientização da importância do uso correto do EPI.

Veja a seguir medidas simples a serem adotadas, lembrando que lavar e higienizar as mãos é sempre o primeiro passo para o uso correto do EPI:

Uso correto do EPI auditivo – inserção moldável:

  • Deslize o protetor entre o indicador e o dedo médio para o polegar. Ele deve ser reduzido ao menor diâmetro possível.
  • Passe por trás da cabeça e abra o conduto auditivo externo puxando parte superior da orelha.
  • Insira o protetor no conduto auditivo externo, de forma que fique vedado e confortável. Em caso de desconforto, a operação foi realizada de maneira incorreta.
  • Continue segurando o plugue até sentir que a espuma vedou o conduto.

Uso correto do EPI auditivo – inserção pré-moldada:

  • Segure na haste, por trás da sua maior falange.
  • Proceda da mesma forma da inserção moldável, com a diferença que a haste deve ficar visível.
  • Para retirar, com a mão oposta, puxe a haste para cima, com uma leve inclinação para trás.
  • Guarde em caixa plástica apropriada.
  • Lave os protetores com água e sabão.

Uso correto do EPI auditivo – Protetores tipo concha ou abafadores:

  • Ajuste a haste expandindo ao máximo.
  • Certifique-se de retirar o cabelo junto da orelha e colocá-lo para trás.
  • Remova brincos, piercings ou qualquer outro objeto do pavilhão auricular.
  • Encaixe as almofadas nas orelhas, certificando-se de que não há nada entre elas e a sua cabeça. Mesmo hastes de óculos devem ser removidas da face para que as conchas cubram totalmente as orelhas.
  • Colocadas as conchas, puxe a haste para baixo e ajuste de acordo com o tamanho da cabeça.
  • Se o uso do capacete for obrigatório, considere usar protetores tipo concha acoplados.

 

Proteção contra quedas

Trabalhos realizados acima de dois metros do solo requerem o uso de EPI contra quedas, segundo exigência do Ministério do Trabalho.

Para ser fazer o uso correto do EPI nesses casos e obter a proteção efetiva, ele precisa conter:

  • Ancoragem: onde o sistema é fixado. Pode ser um ponto ou uma linha fixa a esse ponto.
  • Elemento de conexão: promove a união entre cinto e ancoragem, com talabarte ou trava-quedas.
  • Cinto de paraquedista: é onde se encontra o ponto de conexão ao sistema, envolvendo de forma ergonômica o corpo do trabalhador.

Não é obrigatório, porém é altamente recomendável ao empregador fornecer cinturões abdominais acolchoados e absorvedor ou desacelerador para atenuar o impacto de possíveis quedas.

No próximo post, vamos falar do uso correto do EPI para outras áreas importantes.

Veja também o post anterior do uso correto do EPI em que falamos de aventais, luvas, proteção facial e ocular.

 

Quer saber mais sobre a importância do uso do EPI correto? Clique aqui e veja nosso infográfico sobre o Uso do EPI.

 

1.925
0
Inscreva-se:
Anterior
Próximo