Dia a Dia

Luvas: você conhece as normas que protegem sua equipe?

Com o intuito de aprimorar a eficácia das luvas de proteção mecânica, a norma EN388 versão 2003 passou por uma revisão em 2016. Tudo para trazer mais segurança e conforto para os trabalhadores.

As principais mudanças são a inclusão de um teste de impacto, a mudança da lixa usada no teste de abrasão e a inclusão obrigatória do teste regido pela norma ISO13997. Este último é feito para medir o nível de proteção ao corte.

Como funciona o teste da ISO13997?

São feitos pelo menos 15 cortes numa mesma amostra, cada um com uma lâmina nova para definir o nível de corte que uma luva suporta. Elas são distribuídas em diferentes forças e distâncias. Mais especificamente, são 5 cortes entre 5 e 15mm, 5 entre 15 e 30mm e 5 entre 30 e 50mm. Atualmente, este é o teste mais confiável do mercado.

Antes da revisão, como era feito o teste de corte de luvas de proteção?

No antigo teste, descobrir o nível de corte de uma mesma amostra era muito mais simples, porém bem menos eficaz para materiais de média e alta resistência. Em vez de 15, eram feitos apenas 5 cortes, com a mesma força e muitas vezes com a mesma lâmina.

Como saber da eficácia de luvas de proteção?

Através do novo pictograma! Assim como antes, ele segue mostrando o nível de corte, de 1 a 5. Mas agora, para amostras que provarem cegar a lâmina e passar pelo teste da ISO13997, uma letra será adicionada logo depois do nível de perfuração. Essas letras variam de A a F e representam a força que a luva resiste em até 20mm em cortes com lâmina.

Luvas

Se a luva passar no teste de impacto, o pictograma terá também a letra “P” como último digito. Abaixo, mostramos um exemplo de pictograma de uma luva de proteção, que não passou pelo teste de corte por lâmina circular, e sim pelo teste de impacto:

Luvas

Os dígitos representam, respectivamente, abrasão, corte, rasgo, perfuração, corte e impacto.

Por que essa mudança é importante para o setor?

O objetivo das mudanças é aumentar a segurança de todos a partir de um teste que traz muito mais proteção e confiabilidade. Os Certificados de Aprovação recentes já contam com essa alteração. Então, não se esqueça: na próxima vez em que for escolher luvas de proteção, procure um especialista e exija a versão atualizada da norma, a EN88:2016.