Especialistas

Covid-19: É hora de cuidar da segurança – e das mãos – dos trabalhadores essenciais

O coronavírus e o confinamento nos impõem desafios diversos. O principal deles: ficar em casa. Algumas atividades, porém, por serem indispensáveis à população, seguem sendo executadas. E nós devemos olhar às pessoas que as executam.

É isso que Levi Silva, Gerente de Vendas da área de Proteção Pessoal da DuPont™, faz neste artigo. Ele comenta o papel fundamental que esses trabalhadores exercem e o quão importante é o uso correto dos EPIs – e em especial, das luvas de proteção – para a sua segurança.

 

Como proteger os trabalhadores diante dos desafios que estamos enfrentando?

O Brasil e o mundo passam por uma situação atípica. Neste momento, frente aos desafios impostos pelo coronavírus, somos impelidos a mudar radicalmente nossos hábitos sociais e rotina profissional. Estamos, todos, trabalhando de casa. Quer dizer, quase todos.

Existem atividades consideradas indispensáveis à população, sem as quais a saúde, a segurança e sua própria sobrevivência são colocadas em risco. Refiro-me, por exemplo, a serviços médicos, de proteção ou de água e energia. É sobre as pessoas que executam essas atividades que gostaria de falar hoje.

 

Brasil: quarta posição no ranking de acidentes de trabalho

Segundo o Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho, de 2012 a 2018 o Brasil registrou 4,5 milhões de acidentes e 16,4 mil óbitos em serviço. Isso coloca nosso País em uma nada honrosa quarta posição no mundo1.

Boa parte dos acidentes, em torno de 40%, atinge membros como braços, mãos e dedos (leia mais sobre o assunto aqui)2. E quase todos os acidentes, entre 90% e 95%, poderiam ter sido evitados com a correta utilização de Equipamentos de Proteção Individual, os famosos EPIs3.

Isso precisa mudar. E, ainda bem, está mudando.

 

O que vemos e o que não vemos

Se voltarmos às atividades que, por serem essenciais, seguem sendo executadas durante a pandemia, perceberemos que há aquelas que vemos e aquelas que fogem à nossa vista.

Diariamente, por exemplo, acompanhamos o ofício dos garis e o papel fundamental que eles assumem para manter nossas ruas limpas. Em tempos de isolamento, o lixo residencial aumentou – e muito! – mas o pedido que eles fazem segue mais ou menos o mesmo: nos valorizem e, por favor, embrulhem os objetos cortantes.

https://globoplay.globo.com/v/8436376/

Não é à toa. Com frequência, garis são cortados ou perfurados por latas e garrafas. A prevenção desses acidentes passa, em parte, pela conscientização da população, mas também requer o fornecimento adequado dos EPIs, em especial de luvas de proteção.

Já a indústria de base, com algumas precauções, também continua operando parcialmente. As maiores empresas do ramo são clientes e parceiros da DuPont no Brasil, e elas não abrem mão de EPIs como luvas de proteção, pois sabem o quão importantes elas são para a segurança de seus trabalhadores.

 

A escolha da luva correta

O uso da luva correta é fator decisivo e praticamente elimina as chances de acidentes nas mãos e nos dedos. As de algodão nada protegem contra corte e as de couro, muito adotadas, transmitem somente uma falsa sensação de segurança ao corte.

Apenas o Kevlar® é projetado para proteger trabalhadores contra múltiplos riscos como corte, perfuração, abrasão, arco elétrico, fogo e alta temperatura. Na unidade de demonstração ao corte da DuPont™, as luvas de proteção feitas de Kevlar® resistem a até 12 horas, enquanto que as de couro e algodão não duram sequer dois minutos.

Mas, então, por que tantos ainda escolhem outros materiais? É uma questão de custo, pois essas luvas costumam ser mais acessíveis. Porém é o barato que sai caro. Além de não protegerem os trabalhadores, elas duram muito menos que as luvas de Kevlar® (veja opções de produtos aqui) que possuem um melhor custo-benefício em durabilidade e proteção.

Por tudo isso, minhas recomendações são simples:

  1. se puder, fique em casa;
  2. separe o lixo e embrulhe objetos cortantes; e
  3. se os trabalhadores de sua empresa necessitam de luvas de proteção, forneça as de DuPont™ Kevlar®, para maior proteção e durabilidade.

 

A DuPont tem o máximo compromisso com a segurança do trabalhador – por isso sempre abordamos o tema! No nosso blog Falando sobre Proteção, você pode conferir mais materiais informativos e técnicos sobre o assunto, inclusive a respeito da proteção aos trabalhadores essenciais em tempos de pandemia.

 

Referências: