Dicas

Queimaduras térmicas: saiba o que fazer no caso de perigo

Queimaduras são feridas traumáticas causadas por agentes térmicos, químicos, elétricos ou até mesmo radioativos. Estes traumas destroem a pele de forma parcial ou total, podendo atingir músculos, tendões e ossos. Há uma série de fontes de calor que provocam queimaduras térmicas, desde altas temperaturas até as mais baixas.

 

Causas de queimaduras térmicas

Os principais agentes que causam queimaduras térmicas são:

  • Líquidos superaquecidos;
  • Superfície superaquecida;
  • Agentes químicos;
  • Agentes radioativos;
  • Combustível;
  • Fogo;
  • Eletricidade;
  • Radiação solar;
  • Frio intenso.

 

Dependendo do tempo de exposição e da temperatura dos reagentes, as queimaduras podem ter diferentes graus de intensidade, levando a diferentes tipos de tratamento e primeiros socorros.

 

Queimaduras de 1º grau

Envolvem apenas a camada mais superficial da pele. Os sintomas são intensa dor e vermelhidão local. A lesão é seca e não produz bolhas, e não deixam sequelas. Um exemplo clássico é a queimadura de sol.

 

Queimaduras de 2º grau

Existem dois tipos de queimaduras de 2º grau, as superficiais e as profundas:

Queimaduras de 2º grau superficial

Envolve a epiderme e a porção mais superficial da derme. Os sintomas são, além dos da queimadura de 1º grau, o aparecimento de bolhas, e não costuma deixar cicatriz.

Queimaduras de 2º grau profunda

Acometem toda a derme, sendo semelhantes às queimaduras de 3º grau. Há risco de destruição das terminações nervosas da pele, das glândulas sudoríparas e dos folículos capilares, fazendo com a pele fique seca e perca seus pelos, e costumam deixar cicatrizes.

 

Queimaduras de 3º grau

São profundas que acometem toda a derme e atinge tecidos subcutâneos, com destruição total de nervos, folículos pilosos, glândulas sudoríparas e capilares sanguíneos, podendo inclusive atingir músculos e estruturas ósseas.

São lesões que necessitam de enxertos de pele (retirada de pele saudável de outra região do corpo ou através de doação).

 

Independente do grau das queimaduras, ações de primeiros socorros são fundamentais para garantir a segurança de quem sofreu o acidente. Quanto mais rápido for o tempo de reação, menores serão as sequelas.

 

Primeiros socorros

Em caso de acidente envolvendo queimaduras, siga estas orientações abaixo para um atendimento rápido que pode evitar maiores lesões:

Interrompa o contato

Deve-se cortar o contato da pele com o agente causador da queimadura.

Lave o local atingido

Para queimaduras leves, lave o local atingido com água corrente em temperatura ambiente, até que a área queimada seja resfriada.

Busque ajuda médica

O auxílio profissional vai tomar providências necessárias para a recuperação e também evitar o agravamento da lesão.

Tratamento de Queimaduras

Independente do grau da queimadura, todo tratamento deve ser orientado por um médico. Para facilitar a análise de um profissional, mantenha a queimadura limpa com cuidado para evitar uma infecção.

 

Há muitas coisas que aprendemos no senso comum quanto ao tratamento de queimaduras. Vale salientar que somente um diagnóstico médico é 100% eficiente para o tratamento das queimaduras. Portanto, fique atento aos mitos ao lidar com os ferimentos.

 

O que não fazer após sofrer uma queimadura?

Por recomendações de Órgãos e Entidades Dermatológicas, é preciso tomar alguns cuidados quanto às queimaduras e evitar:

  • Tocar a queimadura com as mãos, mesmo se elas estiverem limpas;
  • Furar as bolhas, pois aumenta a chance de contaminação e infecções;
  • Tentar descolar tecidos grudados na pele queimada, pois estes tecidos agem como ‘proteção’ à região queimada;
  • Retirar corpos estranhos ou graxa do local queimado, pois esta decisão deve ser feita com cuidado após uma avaliação médica;
  • Colocar manteiga, pó de café, creme dental ou qualquer outra substância que não seja água sobre a queimadura; pois estes produtos possuem agentes que podem agravar ainda mais a área lesionada.

 

As queimaduras devem sempre ser tratadas rapidamente, principalmente os primeiros socorros que evitam maiores lesões. Após avaliações médicas e início de tratamento, não interrompa o uso dos medicamentos receitados e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

Posts relacionados:

Agenda

DuPont faz doações de vestimentas no Brasil

Tem-se repetido nos noticiários as imagens dos efeitos catastróficos que a pandemia vem causando no mundo inteiro. E um dos principais problemas enfrentados por quem está na linha de frente é a falta de Equipamentos de Proteção Individual EPI. Portanto, em virtude da pandemia do Corona Vírus, a DuPont se prontificou a realizar doações urgentes […]

Leia mais