EPIs Segurança do Trabalho

EPI ou EPC: na luta pela sua segurança, qual deles é o mais importante?

Quando você pensa em segurança do trabalho, qual é a primeira coisa que vem à sua mente? Treinamentos? Luvas? Calçados apropriados? Sim, tudo pode te deixar mais protegido. Mas, a verdade é que para que o perigo fique realmente longe de você e dos seus colegas de trabalho, outros equipamentos de proteção individual e proteção coletiva são fundamentais.

EPI x EPC: qual é a diferença entre eles?

Ambos têm como prioridade a proteção. Entretanto, um é focado na proteção individual, o EPI e outro na proteção coletiva, o EPC. 

  • Considerando a proteção individual, os EPIs mais usados são: capacetes, luvas, óculos, galochas, protetor auricular, máscaras, mangotes, macacões e cinturões.
  • Agora, pensando na proteção coletiva, você verá com mais frequência: kit de primeiros socorros, chuveiros de emergência, lava-olhos, capela química, exaustores, sistemas de ventilação, guarda-corpo, detectores de fumaça, cones, placas e faixas que isolem o ambiente.

Por que eles são tão importantes?

 Todos os equipamentos de proteção são essenciais e um não funciona tão bem sem o outro, porque eles se complementam.

Imagine um bombeiro, por exemplo, ele precisa das vestimentas Nomex® para desenvolver suas atividades com segurança, mas, se no local não existir exaustores ou sistemas de ventilação, ele pode se prejudicar.

  • No caso do trabalhador que exerce atividades com substâncias químicas, além de máscaras de proteção, vestimentas Tyvek® e luvas, o local em que ele está presente precisa ser sinalizado com placas ou isolado com uma faixa, para que outras pessoas não corram risco de contrair infecções.

Para se aprofundar mais no assunto, aqui no blog temos mais três posts imperdíveis. É só clicar e conferir:

 

Webinar: Gestão dos Riscos Para Qualidade Para Salas Limpas

Infecção hospitalar: dicas de cuidados e EPIs

Riscos em Laboratórios, quais são?

 

E se você deixou o Prêmio DuPont para os 45 do 2° tempo, ainda dá tempo de se inscrever! Clique aqui para enviar seu case e concorra a prêmios incríveis. É só até 14/11, vem! 

De olho nas normas regulamentadoras

Existem, em média, mais de 30 normas regulamentadoras que foram produzidas pelo Ministério do Trabalho. Cada uma delas representa as obrigatoriedades que cada empresa, EPI ou EPC devem ter.

  • NR4: envolve os Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho.
  • NR6: estabelece as regras e diretrizes sobre o uso de EPIs e obriga o fornecimento gratuito desses e de outros equipamentos a todos os profissionais que atuam na área da saúde
  • NR9: por meio do Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA), define a necessidade ações que garantam a segurança dos trabalhadores baseados nos riscos de cada ambiente.

Conta pra gente aqui nos comentários, quais EPIs você usa com frequência, os EPCs mais presentes no seu ambiente de trabalho e como eles fazem a diferença no seu dia a dia. Compartilhando histórias, nós também podemos compartilhar mais saúde e segurança.

Posts relacionados:

Dicas

Infecção hospitalar: dicas de cuidados e EPIs

Há diversos riscos biológicos e Infecção Hospitalar que podem ser encontrados no ambiente hospitalar. O uso e o armazenamento adequados dos EPIs são obrigatórios para todos os profissionais da saúde, pois, mesmo seguindo todas as normas preventivas, não é possível sanar todos os riscos. Além disso, pequenos cuidados diários ajudam a evitar uma série de […]

Leia mais
Dia a Dia

Riscos em Laboratórios, quais são?

Considerados como áreas de riscos, laboratórios podem trazem diversos problemas para a saúde do trabalhador caso não haja o devido cuidado. Quando pensamos em riscos em laboratórios, somos enganados em diversas ocasiões, pois tendemos a pensar somente em riscos por contaminação, sem contemplar outros fatores que envolvem a saúde dos trabalhadores. Para facilitar o controle […]

Leia mais

Este website utiliza cookies para melhorar a experiência do utilizador e para analisar o desempenho e o tráfego no nosso website. Nós também compartilhamos informações sobre o seu uso do nosso site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise.